O maluco do bairro

Para que a paranoia
de correr pra ser feliz
se tenho um enluarado
início de abril
e um amigo maluco
que namora a verdade
e vive por um triz?
Que preferiu 
divorciar-se
do prozac
enfermeira e psiquiatra
e casar-se com a cachaça
diária e sistemática?
E não é que o amalucado
é chefe de uma matilha 
de cães adotados
vigias do meu bairro?
Será que o maluco sou eu
que acha tudo isso engraçado??

Clipe