NOITE



A noite me diminui


(Manoel de Barros)


Quando a noite chega

e falta a luz

reviro gavetas

atrás de velas

lanternas e pilhas.


Sou anão

e não consigo viver

heróis e vilões

que ganham a noite.


A chama da vela

espanta os mistérios

- deixo pro sonho delirar

na hora de dormir.


Sei, não estou

crescido o suficiente

para brincar

a travessura da noite.


Clipe