I Colóquio Regional de Formação de professores


Nos dias 22 e 23 de maio apresentamos oficina com o seguinte tema: "Contar e escrever histórias: possibilidades de  emancipação (cura) individual e social".

I Colóquio Regional Formação de Profissionais em Educação
O Instituto Federal Farroupilha - Câmpus Santo Augusto realizou, de 21 a 23 de maio, em parceria com o Grupo de Pesquisa Formação Cultural, Hermenêutica e Educação da Universidade Federal de Santa Maria e a Secretaria Municipal de Educação e Cultura do Município de Santo Augusto, o I Colóquio Regional Formação de Profissionais em Educação: Catástrofes, Formas de Resistência e Possibilidades de Transformação.
A solenidade de abertura, realizada na noite de quarta-feira, no Clube 7 de Setembro de Santo Augusto, contou com a presença da Diretora Geral do Câmpus Santo Augusto, Verlaine Denize Brasil Gerlach; do Prefeito de Santo Augusto, José Luiz Andrighetto; da Diretora de Ensino do Câmpus Santo Augusto, Clarinês Hames; da Secretária Municipal de Educação de Santo Augusto, Zaira Dias Meirelles Rotilli; da Diretora de Pesquisa Extensão e Produção do Câmpus Santo Augusto, Leidi Daiana Preichardt; do Vice-presidente da Câmara de Vereadores, Ultramar Luiz de Souza; da Coordenadora Geral do Evento, Teoura Benetti; bem como os mais de 400 inscritos.
Na ocasião, os participantes assistiram a apresentação do Grupo de Violão Encanto, da Escola Municipal Antonio João e na sequência a conferência de abertura, intitulada "Resistência, cidadania e educação no contexto pós-traumático", mediada pelo professor do Câmpus Santo Augusto, Me. Mauricio Cristiano de Azevedo, e proferida pelos professores, Dr. Amarildo Luiz Trevisan (UFSM) e Dr. Geraldo Antônio da Rosa (UNC/UNIPLAC).
O evento, promovido através de um projeto de extensão, coordenado pela professora Téoura Benetti, direcionado aos professores e servidores técnicos administrativos das escolas das redes de ensino de Santo Augusto e região, assim como aos acadêmicos do Curso de Licenciatura em Computação do Câmpus Santo Augusto, teve como objetivo principal, promover a formação continuada e estimular o debate em educação.
A programação continuou na manhã de quinta-feira, dia 22, com as palestras: "A (in) sustentável dureza do ser: a questão do medo e da desconfiança como geradoras da busca do controle", ministrada pelo professor Dr. Valdo Barcelos (UFSM), e "O reconhecimento da figura docente diante dos traumas cotidianos", ministrada pela professora Drª. Maiane Hatschbach Ourique (UNIPAMPA). À tarde ocorreram os minicursos e à noite o cine debate como a exibição do filme "Utopia e Barbárie", dirigido por Silvio Tendler.
Na manhã de sexta-feira, dia 23, ocorreram as palestras: "Catástrofe: fazer e sofrer o mal", com o professor Dr. Noeli Dutra Rossatto (UFSM), "Resiliência ao trágico na vivência docente/discente, saber fazer ou saber expressar" com a psicóloga Fabiane Bortoluzzi Angelo (psicóloga do Instituto Condor e Coordenadora do GT Ações por Santa Maria) e "Histórias de fins...histórias sem fins: dor e sinais de recuperação nos espaços público e privado", com a psicóloga Rosana DOrio Boherer (Pós Doutoranda na UFSM, psicóloga do Instituto Condor e Coordenador do GT Ações por Santa Maria). À tarde foram concluídos os minicursos e à noite, encerrando a programação, ocorreu o cine debate com a exibição do filme "Edukators" dirigido por Hans Weingartner.
Carla Maron
Jornalista do Instituto Federal Farroupilha - Câmpus Santo Augusto
Outras fotos no site http://www.sa.iffarroupilha.edu.br/site/conteudo.php?cat=13&sub=2376

Clipe