Quando alguém morria - Hélio Ricciardi


Marieta dizia, com ar
profético,
quando alguém morria:
- O Senhor o chamou para
seu Reino da Glória.
E eu logo me punha a rezar e
a rezar
para que ele não me
chamasse ao Reino
e me deixasse sem Glória
alguma,
perdido por essas ruas,
seus luares
e seus bares.

Jornal Zero Hora de 21/06/2012.

Clipe