Dar de ombros


Já estava sem sede
e a vida não é só balada
mesmo tarde se entende
que sofrer não leva a nada.

Em vez de cair na rede
vá nadar em outras águas
com o tempo você aprende
a escutar sem dar palavra.

Apenas um dar de ombros
um dane-se foda-se
e mais nada!


(Tiradas do Teco, o poeta sonhador)

Clipe